fbpx

ZEITGEIST

Zeitgeist é um termo alemão que significa algo como “espírito da história“, popularizado pelo filósofo alemão George Wilhelm Friedrich Hegel (1770 – 1830), pois na sua teoria de estudo da história humana, a realidade histórica não era contínua, hora havia um conjunto de certos costumes, certa tendência intelectual e cultural que marcaria indelevelmente aquele período de tempo, hora todo esse “espírito“, por assim dizer, desaparecia e outra estrutura surgiria, muitas vezes completamente antagônica ao anterior paradigma.

Zeitgeist-300x154 ZEITGEIST

Nós moldamos e somos moldados pelo meio todo o tempo, e as mudanças sociais, culturais e econômicas sempre ocorrerão, independente da nossa vontade, logo o moderno torna-se obsoleto e o jovem falará que no seu tempo tudo era melhor, revelando assim puro sinal de idade. A grande aventura humana é construída por grandes rupturas, obviamente compreendemos que isso ocorreu e ocorrerá, mas o surgimento de um novo fato assusta até mesmo os estudiosos e aqueles acostumados a estar sempre ”na crista da onda“ das novidades, e de repente se sentem tão ultrapassados como o termo que usei para defini-los. Rsrs…

Zeitgeist-300x154 ZEITGEIST

Nunca a humanidade se comunicou tão rápido, com tanta intensidade e com tantas ferramentas, essa incrível velocidade de informação ao lado da extrema necessidade humana de socializar levou nosso planeta a se transformar numa colmeia gigante.

Nasci numa época em que uma tv pifava, como se dizia na época, e ninguém de pronto pensava em comprar um aparelho novo, mas em levar no técnico, e era assim com tudo, desde o sapato ao casamento, consertar era a palavra de ordem de toda uma geração, mas levando-se em conta o preço, claro. Muitos de nós lembramos a época de uma telefunken 30 polegadas preto e branco custar o valor de um carro, e uma geladeira general elétric custar o preço de um imóvel, tudo comprado em 36 vezes, e sim, foi numa telefunken que assisti ao Jaspion nos anos 80.

Hoje vivemos o descartável, casar-se ou trocar um aplicativo no smartphone é corriqueiro, mandar consertar algo sai mais caro que comprar novo, muitos valores ruíram junto com tudo o que se tinha certeza, o mundo é líquido, como Zigmunt Bauman, filósofo recém-falecido comenta no seu livro MODERNIDADE LIQUIDA.

Zeitgeist-300x154 ZEITGEIST

Não tenho dúvidas, a velocidade que somos obrigados a ter para administrar a vida é cada vez mais necessária, e só aumenta a angústia de estarmos perdendo algo, a sociedade cobra que estejamos sempre na vanguarda, onde não saber tudo sobre a série do momento pode excluí-lo da roda de conversa, como também não saber tudo daquela série mais antiga dos anos 70 que só teve uma temporada pode ter o mesmo efeito. Quem não tiver todo o seu dia tomado de atividade está perdendo tempo e ficará para trás, uma hora livre sem atividade é vagabundear e um pecado mortal, os sacerdotes da vida saudável vão te recomendar pilates, os Cults ler um livro já o pessoal do empreendedorismo vão aconselhar você a transformar esse tempo em dinheiro.

Que época chata é essa que nos obriga a viver como Flash (DC comics) ou Mercúrio (Marvel)? Aonde isso vai nos levar não sabemos, mas a necessidade é irreversível, pois a informação muda o mundo e se ela vem através da fibra ótica numa velocidade incrível claro que essa velocidade repercutirá na nossa vida, então parece não haver fuga, a não ser que alguém escolha viver recluso no passado. Pois agora é a ascensão do homo tecno sápiens!

Zeitgeist-300x154 ZEITGEIST

Esse assunto não tem fim, como não tem fim nossa fome por novidades, enquanto o homem estiver sob a face do planeta vamos buscar o novo, isso claro nada tem a ver com a felicidade, esse é outro tema que merece um olhar bem mais rebuscado, mas é claro que a forma como pensamos a felicidade sofre constante revisão ao longo do tempo, qual será o novo espírito do tempo daqui a mais algumas gerações? Feliz Zeitgeist para vocês, condenados como nós, do futuro.

Filosofo de bar, criador de lobos gigantes do além muralha e best friend do Zé Pilintra.

Max Castro

Filosofo de bar, criador de lobos gigantes do além muralha e best friend do Zé Pilintra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *