fbpx

Análise de Stranger Things 3

Melhor do que antes, os irmãos Duffer conseguiram trazer uma nova temporada bem dosada de mistério, suspense, dramas adolescentes e referências divertidas a filmes e comportamentos dos anos 80.

A trama se passa um ano após o final da segunda temporada e dos sustos com os demodogs enviados pelo “Devorador de Mentes”. Temos desta vez três arcos narrativos interessantes: Um que envolve os protagonistas adolescentes e seus relacionamentos amorosos, o envolvimento do interesse de militares russos no portal para o mundo invertido e por último, mas não menos importante, o plano do devorador de mentes em controlar todas as pessoas de Hawkins e se materializar em nossa dimensão.

Nesta temporada de 8 episódios que mais parece um filme em oito partes devido a linearidade do enredo e suas subtramas que são bem aproveitadas em determinados momentos, não podemos de deixar de notar a importância de novas personagens que não apagam os atuais protagonistas, mas adicionam à história novas situações cômicas e inusitadas de investigação.Stranger-Things-Season-3-new-monster Análise de Stranger Things 3

Por falar em investigações estas são motes necessários para o casal Hooper (David Harbor) e Joyce (Winona Ryder) desenvolver um arco específico que nos retoma o atrito constante da guerra fria explorado em filmes oitentistas. Enquanto também é o ensejo para que o casal Nancy (Natalia Dyer) e Jonathan (Charlie Heaton) por meio de temas como assédio moral no trabalho e contato inicial com mercado de trabalho nos apresente um arco com cenas de forte referência a filmes como “Invasores de Corpos” e grandes obras de David Cronenberg, onde pessoas têm seus corpos transformados em massarocas de carne e compõem monstros aterradores.

Quanto ao relacionamento de Eleven (Millie Bob Brown) com Mike (Finn Wolfhard) este nos traz aquela inquietude constante da descoberta do primeiro amor, primeiro beijo, primeira briga e primeiro fora. Para então nos presentear com o primeiro namoro reatado, não sem antes nos dar por meio da ótica inusitada adolescente a diferença de interesses e tendências entre rapazes e moças. Segundo Mike, “espécies diferentes” que necessitam um do outro para sobreviver.

A amizade entre as garotas Max (Sadie Sink) e Eleven nos apresenta a Stranger-Things-Season-3-new-monster Análise de Stranger Things 3Sororidade, companheirismo entre mulheres, e nos presenteia com cenas divertidas sobre moda e de personagens da cultura pop, tudo isso recheado com uma trilha sonora saudosa e com certeza, escolhida a dedo.

Esta terceira temporada tem um ritmo gostoso entre investigações arrepiantes, descobertas adolescentes, monstruosidades de tirar o fôlego e tiradas cômicas. Os pontos negativos são as cenas de comicidade fraca que beiram o nonsense do personagem Lucas (Caleb MClaughlin), bem como o cansativo tema sobre guerra fria para justificar a abertura de um portal dimensional no território inimigo. Mesmo assim o roteiro não perde o prumo e consegue ser aliviado por direções excelentes de cenas e atuações carismáticas.

Ênfase na construção de cena onde Eleven entra nas memórias de Billy (Dacre Montgomery) e entra no furacão de lembranças violentas e tristes até chegar ao olho do furacão e encontrar o local do primeiro contato de Billy com o “Devorador de Mentes”. Sensacional.

Infelizmente, um dos protagonistas fica no meio do caminho e com as insinuações do roteiro esperamos ansiosamente por mais uma temporada que pode ou não haver seu retorno. Porém a sensação é clara, pelo tom de resolução de conflitos e despedidas a série está próximo de seu fim, dando a entender que só teremos no máximo mais uma temporada. Esperemos que ainda nos reste novas “coisas estranhas” para ver.

Stranger-Things-Season-3-new-monster Análise de Stranger Things 3

CEO, Founder, Motoboy e auxiliar de serviços gerais no EagoraCast Podcast. Memezeiro, escritor, pai e amigo de um magote de fuleiro.

Jonnathan Freitas

CEO, Founder, Motoboy e auxiliar de serviços gerais no EagoraCast Podcast. Memezeiro, escritor, pai e amigo de um magote de fuleiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *